COMPLEXO MAGAZINE.pt - Revista Digital Grande Revista à Portuguesa é dos espetáculos mais aguard

Grande Revista à Portuguesa é dos espetáculos mais aguardados

Stéfanie Stefaisk

Filipe La Féria apresenta musical memorável para comemorar os cem anos do Teatro Politeama

 

O Teatro Politeama comemora os seus cem anos em grande estilo mas quem ganha o presente é o espetador. Em cartaz a partir desta quarta-feira, 24, estará a peça ‘Grande Revista à Portuguesa’. Que acontece na sexta-feira, às 21:00 horas; sábado às 17:00 horas e 21:30 e domingo às 17:00 horas. Com texto, música, cenografia e encenação de Filipe La Féria, a peça conta ainda com a participação de consagrados atores, como João Baião, Marina Mota, Maria Vieira, Vanessa, Ricardo Castro, Bruna Andrade, Rui Andrade, Patrícia Resende, Filipe Albuquerque e Adriana Faria.

Vinte anos após o estrondoso sucesso do musical ‘Passa por mim no Rossio’ , Filipe não desaponta quem espera um espetáculo grandioso, tal como o anterior. O autor faz em palco uma crítica feroz à atual situação do país com humor, valendo-se da música e coreografia para passar a sua mensagem. Com 49 anos de teatro, Filipe já é um velho conhecido dos portugueses. Em 1963 contracenou com Amélia Rey Colaço, no Teatro Nacional, e nunca mais parou. Pertenceu, ao longo da carreira, às companhias do Teatro Estúdio de Lisboa, Teatro Experimental de Cascais, Casa da Comédia e Teatro da Cornucópia.

Grande Revista à Portuguesa é dos espetáculos mais aguardados

Na sua extensa carreira, Filipe demonstrou ser multifacetado. Passou por diversos teatros, como o Teatro da Casa da Comédia, Teatro Politeama e Teatro Rivoli, no Porto; além de produzir, encenar e adaptar diversos programas para a televisão. Este artista foi autor ainda de diversas canções para programas televisivos, além de realizar inúmeras traduções para peças e folhetins radiofónicos.

Com duração de 120 minutos, ‘Grande Revista à Portuguesa’ é uma megaprodução que conta ainda com a coreografia de Marco Mercier, direção musical de Mário Rui e figurinos de José Reis Costa. Com bilhetes entre 10 e 30 euros, Filipe mostra-nos que é mais possível rir do que fazer chorar.

Grande Revista à Portuguesa é dos espetáculos mais aguardados

O autor