Início Saúde Nutrição 7 ideias para a maldita ressaca

7 ideias para a maldita ressaca

169
5

A noite de Fim de Ano está a chegar, e para aqueles que se excederem, aqui ficam algumas dicas para o ajudar a lidar com a manhã seguinte.

 

A ressaca é causada por uma combinação de produtos tóxicos do metabolismo do álcool (acetaldeído), desidratação, e Vitamina A, B (especialmente B6) e C diminuição causada pela ação química do álcool no seu sistema. Os sintomas são geralmente uma boca seca, náuseas, fadiga, tonturas e dores de cabeça.

O tratamento envolve a reidratação do corpo para que ele possa lidar com os sintomas dolorosos – embora o melhor conselho parece ser hidratar antes de se ir deitar.

Os analgésicos (paracetamol) podem ajudar nas dores de cabeça e cãibras musculares. Alimentos açucarados pode ajudar a sentir-se menos trêmulo. Em alguns casos, um anti-ácido pode ser necessária para atenuar o desconforto no estômago.

Você pode substituir os líquidos perdidos se ingerir líquidos simples,  como a água, refrigerantes e bebidas isotónicas.

Bom, mas o melhor mesmo é a moderação na bebida. Para aqueles que não o conseguirem, aqui vão algumas dicas:

– O álcool provoca a perda de muita vitamina C por parte do seu organismo e você é aconselhado a repor essa perda o mais rápido possível. Sumo de laranja, tomate, 600mg de vitamina C em comprimido, não importa qual, todos eles funcionam;

– A sopa é reivindicada por muitos como uma cura milagrosa e ela traz vantagens.
Porque é um alimento fermentado e que contém bactérias saudáveis, a sopa pode ajudar na digestão. O consumo elevado de álcool, é conhecido por perturbar revestimento do estômago e muitas vezes pode provocar efeitos colaterais desagradáveis digestivos.
A sopa Bouillon, um caldo à base de vegetais, é uma boa fonte de vitaminas e minerais, que pode reestabelecer os recursos esgotados. A sua principal vantagem é que é fácil, mesmo para um estômago frágil, de digerir.

– Beba alguns copos de água antes de ir para a cama para combater a desidratação, assim que o organismo termine de destruir o álcool.
A adição de sal e açúcar na água ajuda a repor o sódio e o glicogênio perdidos na noite anterior. As bebidas sem cafeína e isotónicas podem conseguir o mesmo efeito.

Cisteína: Quando você estiver a desejar que o mundo acabe e o álcool deixe de existir, também vai querer que seu fígado liberte todo o etanal do seu corpo. Também conhecido com acetaldeído, o etanal é uma toxina gerada pela reação do álcool no corpo humano. Pode causar dores de cabeça, náuseas e tontura.

Por isso, não há nada melhor do que a cisteína encontrada em ovos, brócolos, pimenta, cebolas e gérmen de trigo. Este aminoácido é responsável pela eliminação de boa parte do acetaldeído, sendo responsável pela aceleração no processo da cura da ressaca.

Potássio: O álcool faz com que os seres humanos urinem muito mais do que o normal. Devido ao fato de as bebidas alcoólicas serem muito diuréticas, é comum que os nutrientes do corpo sejam eliminados junto com a urina.

O potássio é um dos que mais são eliminados no processo, por isso, é de suma importância que as pessoas com ressaca comam alimentos ricos nesse nutriente. A falta de potássio pode causar alguns problemas no sistema nervoso e muscular, por isso comer bananas e batatas chips pode ser uma ótima ideia.

Frutose: Sabe o que é o glicogênio? Trata-se de uma reserva de energia vital para a sobrevivência dos animais, armazenada no fígado e nos músculos. Quando ingerimos álcool, o glicogênio é transformado em glicose e logo depois é eliminado do corpo pela urina. Por isso é muito comum a sensação de total cansaço nas manhãs “pós-bebedeira”.

E uma das maneiras mais simples (e rápidas) de recuperar as reservas de energia é por meio da frutose (açúcar oriundo das frutas). Encontrado em frutas, a frutose acelera o processamento do álcool pelo corpo.

Sódio: O sal em excesso faz mal à saúde, mas ele é muito necessário para que o corpo consiga realizar algumas das principais reações químicas necessárias para a manutenção dos estados normais. Isso acontece porque o sal é rico em sódio, eletrólito essencial para os seres humanos. Junto com o potássio, o sódio é eliminado em grandes quantidades pela urina.

Acordou com ressaca? Está na hora de comer alguma coisa com sal. Mas há também outras formas de fazer o organismo recuperar o elemento químico. A ingestão de isotónicos é uma ótima alternativa.

Se quiser adicione a sua sugestão a esta matéria.

5 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui