Início Cultura e Lazer Artistas Unidos em missão com “A Paz”

Artistas Unidos em missão com “A Paz”

133
0

Yassar Arafat e Ariel Sharon sobem ao palco no Teatro da Politécnica e são convidados a dar uma volta no deserto

 

Duas personagens com nomes de dois indivíduos com importância reconhecida  em guerras no médio oriente, certamente não foram escolhidos ao acaso. Um ex primeiro ministro israelita e um líder da Operação de Libertação da Palestina (OLP) estão juntos numa caminhada pelo deserto para descortinar um encontro espiritual.

“Para que estes dois senhores da guerra conhecessem as misérias do mundo. Condenou-os a uma espécie de expulsão do paraíso”, confessou Jorge Silva e Melo, diretor dos Artistas Unidos, ao Diário de Notícias, na estreia da peça.

A história remete-nos, segundo o diretor, para um conhecimento da realidade que estes dois indivíduos não tiveram no alto do seu pedestal. Saíram do paraíso onde se encontram, desceram à terra e agora fazem a vida social do mais comum: andam de transportes, observam as vítimas dos bombardeamentos e a toda a miséria que se pode esperar numa situação de guerra constante na Palestina.

A peça estreou no passado dia 12 e estará em cena até 2 de Março, no teatro da Politécnica em Lisboa.

 

Preços:

Bilhetes: 10€

Bilhetes (> 65 anos, <25 anos e grupos): 7€

 

Ficha artística:

De: António Tarantino

Tradução: Tereza Bento

Com: João Pedro Mamede, Pedro Sousa Loureiro, Nuno Pardal e Jorge Silva e Melo

Cenografia e Figurinos: Rita Lopes Alves

Uma coprodução: Os Possessos/Artistas Unidos