Início Notícias Casamento de Kim e Kanye em risco

Casamento de Kim e Kanye em risco

131
0
Casamento de Kim e Kanye em risco

A poucas semanas da data marcada, burocracias põem o casamento de Kim Kardashian e Kanye West em risco.

 

Muito tem dado que falar a união do casal ‘Kimye’ – Kim Kardashian e Kanye West – desde que o rapper pediu a estrela de televisão em casamento. Se inicialmente se falava num evento grandioso, em Paris, bem ao estilo do casal, que tem uma filha em conjunto, a pequena North, os preparativos têm passado por várias reviravoltas, chegando até a especular-se que Kardashian seria até já Mrs. West, depois de um casamento civil, na semana passada.

Casamento de Kim e Kanye em risco

No entanto, há poucas certezas sobre a cerimónia, que até ao momento se encontra marcada para 24 de maio: Kim disse na Met Gala que ‘será Ms West em breve’, ou seja, que ainda não está casada, e mais tarde revelou no Twitter que apesar de mostrar ‘todos os preparativos e talvez até fotos’, o casamento não será gravado para o seu reality show, pois a prioridade é a privacidade do casal, surpreendentemente.

Outros pormenores que já foram revelados por Kim são que o vestido está escolhido, e que a lista de convidados ronda as 200 pessoas, tornando o casamento ‘intimo’, pelo menos da sua perspetiva. Entre os convidados estão toda a sua família, mas não deverão estar Jay-Z e Beyoncé, segundo fontes próximos do casal de músicos. E Kim deverá ser levada ao altar pelo padrasto, Bruce Jenner.

Casamento de Kim e Kanye em risco

Parece, portanto, tudo preparado para a cerimónia. No entanto, um pequeno pormenor está a dificultar os preparativos – o acordo pré-nupcial. Segundo o site de mexericos TMZ, os dois não casam até o acordo ser assinado, e apesar de as negociações estarem a correr de forma ‘amigável’, ‘há muito para tratar’ e com a mudança de representação do ‘Yeezus’, a assinatura do acordo só deverá ter lugar na próxima semana.

O atraso, no entanto, não deve complicar muito os planos do casal, tendo em conta que, a ser assinado na semana que vem, estará ainda a mais de uma semana da data marcada.