Início Acontecimentos Crianças não percebem Game Boy

Crianças não percebem Game Boy

145
0
Crianças não percebem Game Boy

O popular aparelho da Nintendo é confuso para os mais novos, que não percebem como o ultrapassado objeto funciona

 

As confusas reações de crianças ao popular Game Boy da Nintendo foram filmadas, sendo que a maioria expressou pena pelas “pessoas do passado” que brincavam com jogos tão chatos.

Os realizadores Benny e Rafi Fine, de Los Angeles, pediram a voluntários dos 6 aos 13 anos para que adivinhassem o que é aquele volumoso aparelho, com algumas das sugestões a incluírem “telefone” e “televisão”.

“O meu pai tinha isto”, Caden de 10 anos declarou, enquanto olhava para o aparelho. Por sua vez, Morgan de 10 anos, exclamou “Estou assustada!”

Mostrando o quão transversal jogar, realmente é, Addy de 10 anos reagiu fortemente dizendo: “As raparigas também podem jogar isto. Porque não se chama Game Boy/Girl?”

 Crianças não percebem Game Boy

Após ter sido dito que o aparelho servia para jogar, um vídeo demonstra cada criança a ter dificuldades para compreender como de facto, funciona o aparelho.

Um dos problemas com que se deparam é como ligar o aparelho. “Start. Eu pressionei o botão Start”, Sydney de 6 anos, diz, parecendo bastante confusa, enquando pressiona repetidamente o botão.

Após terem ultrapassado essa barreira, é pedido aos pequenos que joguem. “É um pouco aborrecido”, declara Evan de 7 anos, afirmando ainda, com um grande sentido de compaixão, “Sinto-me mal pelas pessoas do passado”.

Sydney afirma, “Na verdade gosto, mas também odeio”, por sua vez, Dylan com 12 anos conclui, “Acho que a minha mãe seria melhor nisto”.

Crianças não percebem Game Boy

Crianças não percebem Game Boy

O Game Boy, lançado em 1989, foi um grande sucesso para a Nintendo. Mais de 64 milhões de unidades foram vendidas, alguns milhões a menos do que a Playstation 3 e Xbox 360.

O vídeo já foi visto mais de 6 milhões de vezes, desde que foi publicado. Muitos utilizadores afirmaram ser “triste” e “nojento” que a geração do Ipad, não saiba o que é a tecnologia mais antiga, nem como funciona.