Início Decoração e Design Decoração com estilo color block

Decoração com estilo color block

196
0

Conheça a tendência color block na decoração de interiores, ideal para criar ambientes irreverentes e criativos…

 

Sabe o que é o color block?

O color clock é uma tendência que começou por surgiu nos desfiles de moda através de grandes estilistas adeptos do colorido tais como Marc Jacobs, Balenciaga e Jill Sanders. Este estilo acabou por conquistar a decoração e o design de interiores, um exemplo que comprova como a moda é capaz de influenciar e de se cruzar com o mundo da decoração.

A decoração de interiores é aplicada, regra geral, numa forma mais sóbria com cores que combinem entre si. É precisamente essa tendência que o color block pretende quebrar ao utilizar cores de tons fortes que contrastem entre si, criando ambientes mais alegres, irreverentes e criativos.

Para criar o efeito color block na sua decoração é necessário misturar dois ou três tons de cores diferentes. Não tenha receio de ousar, usar e abusar das cores. Porém, como em qualquer tipo de decoração, não se esqueça que o bom senso deve sempre prevalecer e deve ter o cuidado de não exagerar. O ideal é escolher apenas uma divisão da casa para aplicar este tipo de decoração e claro, ter sempre em conta algumas sugestões e regras, como as que lhe vamos indicar em seguida:

  •  Se ainda está a iniciar-se no color block e os ambientes multicoloridos ainda não a convenceram, comece por aplicar três cores vivas da mesma família como, por exemplo, vermelho, laranja e rosa. Para evitar cair em erro, utilize cores quentes que contrastem com cores frias tais como o amarelo com o azul ou o vermelho com o verde.
  • Por outro lado, se prefere ousar e arriscar na decoração aplique três a cinco cores vivas. Experimente misturar cores contrastantes tais como  laranja e azul ou roxo e amarelo e obterá um resultado ainda mais original e irreverente.
  • Esta tendência é muito eficaz em ambientes neutros ou em preto e branco e basta um apontamento colorido, seja um sofá, uma cadeira ou outro objeto decorativo para dar toque mais alegre e quebrar a monotonia da decoração.

  • Poderá utilizar padrões florais misturados com padrões lisos em vez de usar apenas cores lisas.

  • Para evitar exageros na decoração, aplique o color block em detalhes decorativos como almofadas, tapetes, cortinados, objetos decorativos que possam ser facilmente trocados por outros quando se cansar da decoração e sempre que o desejar. Investir numa peça de mobiliário de cor mais garrida, (sofá, uma cadeira ou um móvel) ou pintar uma parede de tom colorido são outras das soluções, de preferência em ambientes com tons mais neutros.

  • O color block também é válido em cozinhas. Hoje em dia poderá encontrar móveis de cozinha em tons mais alegres ou até móveis com portas de cores diferentes. Esta tendência também se estende aos electrodomésticos que começam a surgir em outras cores, fugindo ao tradicional branco, preto e inox.

  • Apesar de não ser proibido, este estilo não é o mais indicado para ambientes mais íntimos, como o quarto, em que se deve dar preferência a cores mais calmas e relaxantes convidando ao descanso, tal como já tínhamos sugerido aqui neste artigo.
  • Não esqueça de um elemento fundamental que pode influenciar a escolha das cores: iluminação. Caso a divisão não seja muito iluminada é preferível optar por cores mais claras para não sobrecarregar o ambiente e torná-lo mais escuro. Esta regra deverá também aplicá-la em espaços muito pequenos uma vez que está comprovado que as cores claras ampliam visualmente um ambiente.
  • Laranja e roxo, laranja e verde, roxo e verde, roxo e rosa, rosa e verde, rosa e azul, vermelho e amarelo, vermelho e azul, laranja e amarelo são apenas alguns dos exemplos de combinações que poderá utilizar.

Por fim, não se esqueça que as cores transmitem sensações e por isso não basta escolher as cores e os padrões de modo aleatório. Escolha as cores de acordo com o seu gosto pessoal para que a decoração traduza a sua personalidade.