Início Notícias Dj que levou ao suicídio de enfermeira volta ao trabalho

Dj que levou ao suicídio de enfermeira volta ao trabalho

121
0
Dj que levou ao suicídio de enfermeira, volta ao trabalho dois meses depois
Dj que levou ao suicídio de enfermeira, volta ao trabalho dois meses depois

O Dj cuja brincadeira terá levado ao suicídio da enfermeira que cuidava de  Kate Middleton, está de volta ao trabalho, 2 meses depois


Depois de terem sido excluídos de qualquer intenção judicial, por parte da Scotland Yard e por falta de evidências que os pudessem condenar pelo homicídio involuntário de Jacintha Saldanha (mulher de família e mãe de um rapaz e uma rapariga), os dois dj’s tentam refazer as suas vidas.

Dj que levou ao suicídio de enfermeira, volta ao trabalho dois meses depois

Michael Christian, de 25 anos, está de volta ao trabalho na estação, enquanto que a sua parceira, Mel Greig, continua sem dar indícios aos executivos de um possível regresso. Mas a voz radiofónica do seu colega espoletou comentários, um deles afirmando a vontade da empresa de ter os dj’s de volta no tempo certo e em papéis que façam jus aos seus talentos, ainda que não seja o formato original.

Foi que aconteceu com Michael Christian, que fez a sua primeira aparição (embora o escândalo ainda não esteja esquecido) continuando os seus anúncios sem qualquer tipo de referência a eventos passados, deixando o chefe executivo ‘contente por ter o Sr. Christian de volta ao ar’.

Dj que levou ao suicídio de enfermeira, volta ao trabalho dois meses depois

A declaração deste continua ao afirmar que ‘a empresa sempre apoiou o regresso  dos talentos ao trabalho quando fosse apropriado e esse dia já chegou para Michael. Esperamos ansiosamente o dia em que possamos dar as boas vindas a Mel Greig, quando o tempo também for o certo’.

Não se sabe é quanto tempo isso levará, uma vez que Grieg não tem sido vista em público ou feito algum tipo de comentário desde a emocionada entrevista que ambos deram, aquando da trágica morte da enfermeira.