Início Acontecimentos Estudada cura funcional para o vírus da Sida

Estudada cura funcional para o vírus da Sida

92
0
Estudada cura funcional para o vírus da Sida

14 adultos observam remissão das células no organismo depois de tratamento.

 

Depois de um bebé ter sido infectado pelo vírus da Sida, através da sua mãe seropositiva, e de ter sido tratado à nascença e ao fim de dez meses já se encontrava em remissão, sabe-se agora de resultados de um estudo de uma cura funcional em 14 adultos, residentes em França, também eles infectados pelo vírus da Sida, durante um estudo conhecido como o “estudo de Visconti”.

 

Estudada cura funcional para o vírus da Sida

 

Estes portadores do vírus VIH foram tratados, durante três anos, através de anti-retrovirais, logo nas dez semanas a seguir à sua infecção. Nos últimos quatro anos, viram as suas células infectadas por este malicioso vírus reduzirem apesar da inexistência de tratamento. Agora passados sete anos do início do tratamento, controlam de forma natural, ou seja sem químicos, o vírus ainda presente no organismo. Ou seja, o vírus VHI não foi totalmente suprimido do organismo destes 14 adultos, mas é de tal forma minucioso que o próprio sistema imunitário consegue controlar.

Segundo declarações de Laurent Hocqueloux, do hospital Orléans – La Source, e também presente no “estudo de Visconti” estes casos de cura funcional “permitem esperar a descoberta de novos mecanismos capazes de controlar a infecção”.

Apesar de já se saber estes resultados desde Julho do ano passado, só ontem, quinta-feira, é que foram publicados na revista online PloS Pathogens.