Início Acontecimentos Louvre é obrigado a encerrar portas devido a carteiristas

Louvre é obrigado a encerrar portas devido a carteiristas

109
0
Louvre é obrigado a encerrar portas devido a carteiristas

Funcionários fizeram greve devido a vaga de carteiristas no interior do museu.

 

Esta quarta-feira passada (10), o museu do Louvre, na cidade de Paris, foi encerrado devido a uma greve dos funcionários. Esta greve deveu-se ao elevado número de furtos realizados no interior do museu, chegando estes a ser, por vezes, violentos.

Christelle Guyader, representante sindical, revelou à agência francesa AFP, que “Muitas vezes os funcionários vêm trabalhar com medo, pois são confrontados com grupos organizados de carteiristas, cada vez mais agressivos e que envolvem crianças, que entram de graça no museu e que, mesmo depois de terem sido interrogados pela polícia, voltam ao museu dias depois.”. Informou ainda que o Louvre iria abrir portas hoje, quinta-feira, depois de terem chegado a acordo com a administração do equipamento cultural para que haja maior segurança, estabelecendo medidas de prevenção e reforçando o policiamento junto ao museu, um dos maiores e mais conhecidos a nível mundial.

Louvre é obrigado a encerrar portas devido a carteiristas

A direção demonstrou o seu total apoio, revelando que já teria comunicado a situação aos poderes políticos.

O museu do Louvre tem mais de mil funcionários, mas, diariamente, as equipas são compostas por pouco mais de 450.

Louvre é obrigado a encerrar portas devido a carteiristas