Início Acontecimentos Novo tratamento para o cancro da mama desenvolvido por portugueses

Novo tratamento para o cancro da mama desenvolvido por portugueses

108
0
Novo tratamento para o cancro da mama desenvolvido por portugueses

Portugueses cada vez mais nas bocas do mundo pelos seus desenvolvimentos no mundo da ciência.

 

Novo tratamento para o cancro da mama está a ser desenvolvido por uma equipa de investigadores portugueses.

Paula Videira é quem lidera a investigação. A investigadora venceu a 6ª edição do Prémio de Mérito Científico Santander Totta/Universidade Nova de Lisboa, no valor de 25 mil euros.

O estudo, que decorrerá nos próximos dois anos, passa pela engenharia molecular, concebendo um anticorpo que seja capaz de eliminar as células tumorais malignas.
Novo tratamento para o cancro da mama desenvolvido por portugueses

Os anticorpos são recrutados pelo sistema imunitário para identificar e neutralizar matérias estranhas, como bactérias e vírus, como é o caso do cancro.

A investigadora Paula Videira explicou que as células cancerígenas presentes no cancro da mama são células que o sistema imunitário não consegue eliminar, progredindo no organismo. Assim, o processo para combater estas células cancerígenas incide na manipulação de anticorpos, juntando as células do sistema imunitário com as células do cancro da mama, para que as primeiras possam eliminar as segundas.

O anticorpo a ser criado será testado pelo método in vitro em células humanas e, posteriormente, em animais vivos que, segundo Paula Videira, são “capazes de receber células humanas sem as rejeitar.”.
Para a investigadora, com o sucesso deste estudo, outros tratamentos para cancros, como o do estômago, pâncreas e do cólon, poderão vir a beneficiar.