Início Saúde Fitness Homem usa substância perigosa para obter músculos falsos

Homem usa substância perigosa para obter músculos falsos

263
0
Homem usa substância perigosa para obter músculos falsos

Brasileiro usou uma substância perigosa para obter músculos falsos, que medem mais de 73 cm.

 

Arlindo de Souza é um brasileiro de 43 anos, que tem os maiores músculos da nação, e está entre os maiores do mundo. Mas será mesmo?

Na verdade, o homem conhecido como ‘A Montanha’ ou o ‘O Hulk da Vida Real’ não tem efetivamente os bíceps de mais de 73 cm que apresenta cheios com músculo, mas sim com um cocktail de substâncias perigosas que ‘enchem’ a área, provocando a aparência de músculo, que está a tornar-se muito popular no Brasil.

Homem usa substância perigosa para obter músculos falsos

O que Arlindo, que já fazia bastante exercício e tomava esteróides e hormonas de cavalo para conseguir músculos grandes, tomou foi uma mistura de óleo mineral, uma espécie de óleo para bebé sem cheiro, usado muitas vezes em cosmética, mas com uma má reputação na industria, álcool e anestéticos, que incham a área em segundos, dando a aparência de grandes músculos, muito popular entre os brasileiros obcecados com o corpo, mas cujo uso pode ter consequências graves como a necessidade de amputar o membro e até a morte, algo que Arlindo já viu acontecer.

Homem usa substância perigosa para obter músculos falsos

‘O meu amigo Paulinho morreu por usar isto. Senti bastante a morte dele. Ele usava, eu também. Ele ultrapassou o limite. Não aconselho a ninguém usar este óleo’, conta Arlindo, que diz ter parado de usar a substância, que é cada vez mais popular na América do Sul e pode ser facilmente comprada online ou em lojas duvidosas.

No entanto, se pensa que foi a morte do amigo que levou Arlindo a deixar a substância, desengane-se, pois o brasileiro confessa que o fez porque ‘se estava a tornar muito visível’, depois de injetar a substância três vezes por semana durante dois meses, resultando nas ‘montanhas’ que ocupam agora os seus bíceps, até porque jura que ‘não sentia nada, para além de uma tontura ocasional’ e que a sua ‘força continuou a ser a mesma, nada mudou’, porque continuou a fazer exercício.

Curiosamente, contrariamente ao que Arlindo diz, os seus ‘músculos’ enormes não lhe dão mais força, e apenas consegue levantar pesos bastante leves. E apesar de saber dos riscos, Arlindo não parece preocupado, afirmando ‘Se o meu bicep rebentar, faço uma operação. É normal’.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui